Domingo, 17 de Janeiro de 2021 19:19
30°

Poucas nuvens

Imaculada - PB

Dólar com.

R$ 5,3

Euro

R$ 6,41

Peso Arg.

R$ 0,06

Anúncio
Notícias Governo

Maia: 'Guedes não tem votos para aprovar privatização, CPMF e a culpa é dos outros?'

Presidente da Câmara disse também que o ministro da Economia, Paulo Guedes, "está desequilibrado".

01/10/2020 09h30
107
Por: Imaculada Online Fonte: Imaculada Online
Maia: 'Guedes não tem votos para aprovar privatização, CPMF e a culpa é dos outros?'

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, rebateu nesta quarta-feira (30) a declaração do ministro da Economia, Paulo Guedes, de que haveria boatos de que Maia, em acordo com a esquerda, teria travado a aprovação das privatizações, que são pauta do Governo Federal.

Em conversa com o blog nesta quarta-feira, Maia reagiu. “Paulo Guedes quer desviar o foco do debate do teto de gastos. Ele não tem base, não tem voto para aprovar privatização e nem CPMF. E a culpa é dos outros?”.

Mais cedo nesta quarta, Guedes falou em live de que haveria boatos de um acordo entre o presidente da Câmara e a esquerda para "não pautar as privatizações".

"Não há razão para interditar as privatizações. Há boatos de que haveria acordo entre o presidente da Câmara e a esquerda para não pautar as privatizações. Precisamos retomar as privatizações, temos que seguir com as reformas e temos que pautar toda essa transformação que queremos fazer. A retomada do crescimento vem pela aceleração de investimentos em cabotagem, infraestrutura, logística, setor elétrico, das privatizações, Eletrobrás, Correios... Estamos esperando", disse.

 

Ainda sobre a declaração de Guedes, de que haveria um acordo do presidente da Câmara com a esquerda contra as privatizações, Maia complementou: “Guedes está desequilibrado. Recomendo que ele assista ao filme 'A Queda'".

Guedes e Maia voltam a trocar farpas
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
--:--/--:--
 
 
 
 
 
 

Guedes e Maia voltam a trocar farpas

O filme retrata as últimas horas de Adolf Hitler à frente da Alemanha nazista.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias