Na Paraíba Avanço da Pandemia

Duas cidades da Paraíba alteram serviços e impõem toque de recolher

Cajazeiras e Alagoa Grande estão entre as cidades que migraram para a cor laranja na avaliação do ‘Novo Normal’

18/05/2021 07h01
173
Por: Imaculada Online Fonte: Imaculada Online
Duas cidades da Paraíba alteram serviços e impõem toque de recolher

As prefeituras das cidades de Cajazeiras, no Sertão da Paraíba, e Alagoa Grande, no Brejo do estado, são mais duas gestões municipais que decretaram medidas que alteram serviços e impõem toque de recolher em virtude do avanço da pandemia da Covid-19.

Veja aqui todos os decretos recentes em vigor na PB

Cajazeiras

Em Cajazeiras, o aumento dos casos de coronavírus e a ocupação de mais de 90% dos leitos hospitalares do Sertão levaram o prefeito José Aldemir a adotar ações mais restritivas para tentar conter o avanço do vírus. O Diário Oficial do Município já circula com um novo decreto, que reduz a flexibilidade em setores considerados críticos do comércio e de outras atividades.

A partir desta segunda-feira (17), até o dia 30 de maio, os bares e restaurantes só poderão atender presencialmente até as 18 horas. Depois desse horário, apenas por delivery. Haverá toque de recolher entre as 22 horas e as 5 horas do dia seguinte.

Até esse domingo (16), Cajazeiras registrou 6.963 casos e 119 mortes por Covid-19.

Alagoa Grande

Em Alagoa Grande, o Prefeito Antonio da Silva Sobrinho também emitiu um decreto que considera um cenário do aumento do número de casos, sendo necessárias novas medidas de contenção do vírus no município.

Assim como em Cajazeiras, a publicação impõe toque de recolher entre as 22 horas e as 5 horas do dia seguinte, com um dia a mais de duração da medida, indo desta segunda-feira (17) até o dia 31 de maio.

As vendas (comércio e serviços em geral) poderão funcionar das 7h às 15h, de segunda a sábado, sendo vedada a abertura aos domingos. Após as 15h, poderão funcionar nas modalidades delivery ou takeaway até as 18h.

Os hipermercados, supermercados, mercados, açougues, peixarias, padarias e lojas de conveniência situadas em postos de combustíveis funcionarão até as 18h, de segunda a sábado.

Até esse domingo (16), Alagoa Grande registrou 2.877 casos e 52 mortes por Covid-19.

Restrições em outras cidades

Na semana passada, em vídeo publicado no Instagram, o prefeito de Barra de Santa Rosa, Neto Nepomuceno, anunciou lockdown no município, por 15 dias, e pediu colaboração de todos.

Também na última semana, a Prefeitura de Pocinhos, na região de Campina Grande, emitiu novo decreto que proíbe aglomerações de pessoas, de qualquer natureza e sob qualquer pretexto, em locais públicos ou privados, sob pena de sanções. O documento passou a valer a partir da quarta-feira (12), indo até o próximo dia 19 de maio.

Em Campina Grande, o prefeito Bruno Cunha Lima assinou, na noite da última sexta-feira (14), o decreto nº 4.581, com medidas emergenciais para contenção do avanço da Covid-19. O documento vale de 14 a 30 de maio. Além de manter o padrão de restrições vigentes no município, o gestor reduziu para 80 pessoas o limite máximo de lotação em eventos, além de aumentar a fiscalização no cumprimento do decreto. 

25ª avaliação do ‘Novo Normal’

A Secretaria de Estado da Saúde publicou, no último sábado (15), mais uma avaliação do Plano Novo Normal que passa a vigorar nos 223 municípios a partir desta segunda-feira (17).

Na 25ª avaliação, 100% dos municípios paraibanos se encontram classificados entre as bandeiras vermelha, laranja e amarela, com expressivo crescimento de cidades em bandeira laranja e o ressurgimento de municípios em bandeira vermelha. Cajazeiras e Alagoa Grande estão entre as cidades que migraram da cor amarela para a laranja.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias